Searching...
quarta-feira, maio 07, 2014

Diretório Nacional faz intervenção branca no PROS do Ceará


Restrição aumenta tensão na relação entre o comando do partido e o governador Cid Gomes.

Durante o encontro entre os membros do comando nacional do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) e representantes de seu diretório cearense, realizado na manhã desta quarta-feira (7), em Brasília, o presidente da legenda, Eurípedes Júnior, comunicou a mudança da senha disponibilizada pela Justiça Eleitoral à Comissão Provisória do partido no Estado, que agora ficará sob controle do Diretório Central. Sem a senha, nenhuma candidatura poderá ser registrada nos Tribunais Eleitorais.

A ação foi sentida como mais um golpe, aumentando a tensão na relação entre o Diretório Nacional do PROS e o governador Cid Gomes (PROS/CE). 

Durante a reunião, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PROS), colocando-se como porta voz dos cidistas, quis saber se realmente haverá a intervenção nacional na direção local do partido. A interferência foi o maior motivo de interesse dos presentes na reunião, como o presidente regional do PROS, Danilo Serpa, e da bancada estadual de deputados federais composta por Antonio Balhmann, Ariosto Holanda, Domingos Neto, Edson Silva e Vicente Arruda. 

O deputado federal alagoano Givaldo Carimbão, líder do PROS na Câmara, negou qualquer ação no sentido de mudar o comando do partido do Ceará. O parlamentar justificou a medida alegando que as senhas foram requisitadas em todos os Estados em o partido é controlado por uma Comissão Provisória. “O comando nacional do partido nunca cogitou retirar a influência de Cid ou de seus aliados”, respondeu Carimbão. 

As declarações não diminuíram a insegurança dos deputados federais cearenses. 

Fonte: cearanews7