Searching...
quarta-feira, junho 04, 2014

'Abóbora verde e amarela' chama atenção na cidade de Ocara e professora prevê hexa para seleção

O agricultor José Adail, 36 anos, teve uma surpresa agradável ao plantar várias sementes de abóboras no quintal de sua residência que fica ao lado da escola no Povoado Arisco dos Marianos, zona rural de Ocara, no Ceará. Dos vários frutos que brotaram, apenas um nasceu nas cores verde e amarela. O registro foi feito pela professora Ana Cleuma, que ganhou a abóbora de presente do agricultor.

Ana Cleuna acredita que a abóbora canarinho é um aviso para o hexacampeonato.

“Fiquei surpresa e quem viu o fruto até achou que alguém poderia ter pintado, mas depois verifiquei e constatei o fato inédito aqui na região. Não sei porque ela nasceu assim, José Adail não usa agrotóxicos e as outras abóboras da mesma ramificação são normais”, contou Cleuma.

Para a professora, a abóbora nasceu em comemoração a Copa do Mundo que acontece no Brasil e até arriscou fazer uma previsão. “Temos tudo pra vencer essa copa. Até a abóbora já mostrou isso”. Ana Cleuma.

Segundo o engenheiro agrônomo da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Desraele Rocha, não existe nada de anormal no fruto. “Existem variedades onde todos os frutos ou apenas uma da mesma ramificação da espécie nascem com as cores verde e amarela, uma delas é conhecida como brasileirinha. Uma flor pode ter fecundado de forma diferente, mas é uma manifestação normal”, explica.

Redação Portal do Maciço 
Fotos cedidas por João Paulo Maciel