Searching...
sexta-feira, março 27, 2015

Criminoso come as próprias fezes em tribunal em tentativa de provar que é louco

Um criminoso acusado de roubar um banco tentou provar que era louco comendo as próprias fezes no meio de seu julgamento.


Um criminoso acusado de roubar um banco tentou provar que era louco comendo as próprias fezes. Ele realizou o ato nojento durante seu julgamento. 

Andrew Gilberton foi acusado, em outubro de 2013, de assaltar um banco em San Luis Obispo, na Califórnia, Estados Unidos. Apesar do crime, ele pede para ser inocentado dizendo sofrer de insanidade. 

Durante seu testemunho em tribunal, o acusado alegou que a Virgem Maria o pediu para roubar o banco. Repentinamente ele colocou a mão nas calças, defecou e comeu as próprias fezes, na frente do juiz, júri e demais presentes. 

Imediatamente o julgamento foi interrompido. Gilbertson ainda gritou que havia sido a Virgem Maria que o pediu para comer seus excrementos. 

O julgamento foi retomado durante a tarde, depois que a sala do tribunal foi limpa. 

Um especialista em saúde mental também testemunhou no caso. Ele comentou ter observado Andrew batendo na própria cabeça enquanto dizia estar “ouvindo vozes”. Apesar disso, o réu nunca havia manifestado desejo em comer fezes.

Fonte: Metro