Searching...
quarta-feira, abril 04, 2018

Negócios da Praia de Iracema terão isenção de até 95% em impostos

Os investidores que se interessarem em reocupar ou permanecer nos imóveis da Praia de Iracema receberão incentivo fiscal com redução de 95% do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e diminuição de 5% para 2% do Imposto sobre Serviços (ISS). A iniciativa da Prefeitura de Fortaleza visa estimular a revitalização da orla, projeto que vem sendo meta de várias gestões municipais, mas ainda sem sucesso.
Segundo Rodrigo Nogueira, coordenador das Parcerias Público-Privadas (PPP) da Prefeitura, após o mapeamento dos dez maiores imóveis da Praia de Iracema, duas reuniões foram realizadas para estimular a reocupação dos empreendimentos. “Pedimos voto de confiança para que os empresários dessem valores razoáveis de aluguel como incentivo para uso. As conversas tiveram boa aceitação”, revela. Novo encontro deve ocorrer na próxima semana.
Estão em negociação dois espaços de coworking, um deles pode ser o maior de Fortaleza, uma academia de crossfit, três restaurantes e um pub com música sertaneja. “Esperamos que, até o fim do ano, a Praia de Iracema já esteja com cinco imóveis ocupados. Estamos fazendo link entre um e outro, unindo as pontas, como se diz”. O coordenador também conversou com redes de farmácias, porém, o segmento prefere aguardar pelo maior fluxo de pessoas na área para decidir o investimento.
A ocupação do prédio do antigo restaurante Sobre o Mar D’iracema está sendo negociada com dois empresários locais, que estudam viabilidade econômica para implantar uma grande franquia de restaurante ou de marca local. Rodrigo explica que o acordo prevê até três anos de carência de aluguel para o empreendimento definido.
Uma empresa de call center também está interessada em se implantar na Praia de Iracema devido aos incentivos propostos. De acordo com Rodrigo, ainda neste mês, lei de incentivo será votada na Câmara Municipal de Fortaleza a fim de aprovar desoneração de impostos. A proposta é o abatimento de IPTU e redução do ISS, tanto para os negócios “sobreviventes” quanto para os novos empreendimentos. Sobre o impacto fiscal nas contas do Município, ele explica que será pequeno, uma vez que a Praia de Iracema possui baixa arrecadação de ISS.
Também será enviada à Câmara lei específica pedindo a concessão do Largo dos Tremembés para implantação de um conjunto de bares e restaurantes. Próximo ao Centro Cultural Belchior será implantada uma estação para banhistas, com dois banheiros grandes e vários armários. “Será uma parceria com empresa privada e está em aprovação na Seuma (Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente)”, diz o secretário. Em abril, deve começar a funcionar um quiosque de segurança da Polícia Militar, próximo ao Centro Cultural Belchior.
“Estamos no meio da ação de requalificação da Praia de Iracema e o ponto de origem é o espigão da João Cordeiro. Quando você atrai família, gente, negócios e economia para a Praia de Iracema, acaba dando uma possibilidade de ser uma âncora de revitalização”, avalia o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), sobre as ações propostas para a região.
O prefeito adiantou sobre a inauguração da loja de surfe Greenish na Praia de Iracema. Ao lado do estabelecimento, haverá uma guarderia para aluguel de prancha, que deve integrar o projeto Praia Acessível.
A parceria está em construção, informa Hans Timur, sócio da Greenish. Esta é a segunda loja da marca no Ceará, depois da aberta em Jericoacoara, e ficará no antigo escritório da imobiliária Luciano Cavalcante, próximo ao espigão da rua João Cordeiro, com previsão para inaugurar em maio ou junho deste ano. “A gente acredita na requalificação do bairro e espera ver mais empresários entrando nesse movimento”, afirma o empresário.